Workshop Futuro da TV Digital Interativa (WTVDI)

O Workshop Futuro da TV Digital Interativa (WTVDI) é motivado pela necessidade de se discutir uma (r)evolução dos serviços televisivos, de forma a se tornarem capazes de entregar aos usuários finais experiências avançadas no consumo de conteúdo multimídia.

No atual contexto, nota-se, por um lado, que a TV Digital Interativa ainda não encontrou sua popularização nem aplicações killers, e, por outro lado, serviços de base tecnológica similar vêm evoluindo, como IPTV (Internet Protocol Television), Digital Signage, Video OTTs (Over-the-top), ILE (Immersive Live Experiences), Multiple Sensorial Media (Mulsemedia) entre muitos outros.

Considerando a expertise da Comunidade WebMedia nos mais diversos aspectos em que se fundamentam todos esses e futuros serviços, assim como as recentes iniciativas para extensão do Middleware Ginga para o suporte a uma ampla integração da entrega de conteúdo em broadcast com a entrega em broadband (IBB – Integrated Broadcast-Broadband), convidamos todos a participarem dessa discussão sobre o futuro do Ginga e da TV Interativa como um todo.

As discussões serão orientadas por contribuições escritas, em formato de proposições conceituais e/ou práticas, de 2 a 4 páginas, que descrevam por que e como qualquer componente do Sistema Brasileiro de TV Digital, incluindo o Middleware Ginga, poderia ser modificado para um avanço significativo na experiência do usuário final, mesmo que de forma disruptiva com os atuais padrões. Baixe aqui o modelo de contribuição para o WTVDI.

As contribuições passarão por prévia avaliação quanto à sua forma. A intenção é conduzir discussões livres sobre toda proposta que se apresente minimamente argumentada. O workshop se aproxima de um brainstorming guiado pelas contribuições que vão compor a sua pauta.

Alguns exemplos de conceitos e técnicas que poderiam ser incorporados ao SBTVD para o avanço na experiência de consumo de TV incluem, mas não estão limitados a:

– Ultra-alta definição do vídeo, vídeo escalável, camadas multi-origem
– Ruptura de linearidade da grade de programação
– Personalização do conteúdo televisivo, user-centric broadcasting, metadados
– Conteúdo gerado pelo usuário
– Experiências seamless desde a descoberta até o chaveamento de conteúdo multi-origem
– Experiências seamless independente de dispositivo de acesso
– Efeitos sensoriais, mulsemídia
– Ambientes inteligentes, e-health, Internet das Coisas
– Realidade virtual e realidade aumentada
– Vídeo 360º, ponto de vista livre
– Áudio imersivo e interatividade
– Interação com voz, gestos, eye tracking e interação multimodal
– Inteligência Artificial
– Acessibilidade
– Flexibilização do espectro de radiodifusão, ruptura do unidirecional
– 5G broadcasting

O WTVDI resultará em um relatório de posicionamento da Comunidade WebMedia sobre o futuro da TV interativa. Contribuições selecionadas pelos próprios participantes do workshop serão também consideradas como proposições sobre Recomendações ITU-T na área de IPTV, como as séries ITU-T H.720 (Dispositivos Terminais IPTV), H.730 (Middleware de Terminal IPTV), H.740 (Tratamento de eventos de aplicações IPTV) H.750 (Metadados IPTV), H.760 (Frameworks de Aplicações Multimídia para IPTV) e H.770 (Descoberta e seleção de serviços).

O WTVDI dá continuidade à série de Workshops sobre TV Digital Interativa (WTVDI), que já ocorreram em edições anteriores (2005, 2010 e 2014) e do Workshop de Sincronização das Coisas (WSoT) (2016).

As contribuições podem ser escritas em inglês ou em português e devem seguir as especificações do template, contendo, no máximo, 4 (quatro) páginas. Os artigos devem ser submetidos exclusivamente em formato PDF através do Sistema JEMS.

DATAS IMPORTANTES

As datas de submissão podem ser consultadas na página de datas importantes.

COORDENAÇÃO

Marcelo Ferreira Moreno (UFJF)
Débora Christina Muchaluat Saade (UFF)
Guido Lemos de Souza Filho (UFPB)